Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Identidade e Memória foi tema de Tertúlia

Iniciativa no âmbito do programa cultural «Mosteiro de Emoções»

27 de junho de 2019
Identidade e Memória foi tema de Tertúlia
Identidade e Memória foi tema da última tertúlia do ciclo ‘O Futuro visita o Passado’ realizado no âmbito do programa cultural ‘Mosteiro de Emoções’. A tertúlia decorreu ontem, dia 26 de junho, na Casa do Tempo, e teve como oradores Arminda Ferreira e João Machado que apresentaram o caso do projeto educativo e patrimonial aplicado pelo município de Vila Nova de Famalicão.
A partir deste projeto foi possível transportar para a realidade Cabeceirense e estabelecer as devidas comparações de utilização de recursos, meios, plataformas digitais e outros para a divulgação dos diferentes patrimónios tendo presente a importância de que só se ama o que se conhece.

É importante estabelecer redes de bens culturais e utilizar o digital para chegar mais longe mas também para chegar junto daqueles que podem e devem assumir o património como seu, por isso reforçando o sentimento de pertença coletiva. É igualmente importante, para formar cidadãos responsáveis, promover ações de educação patrimonial para que todos se mantenham cada vez mais bem informados e para que possam assumir uma verdadeira consciência cívica e identitária, fazendo do Património uma «escola viva de História»!
 
A História tem como objeto de estudo a vida humana, num determinado tempo, espaço e comunidade. A partir dos significados que cada ser humano atribui à sua comunidade, vai alargando o seu sentido identitário, numa lógica gradual que se pretende de diálogo entre o local e global.

Marcaram presença nesta iniciativa o Vice-presidente da Câmara Municipal, Dr. Mário Machado, e a Dra. Paula Gonçalves em representação do Presidente da Assembleia Municipal.

Adicionar comentário

Scroll