Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Inaugurações na Praia Fluvial da Ranha

Edifício de apoio e renovação das infraestruturas

22 de agosto de 2013
A Praia Fluvial da Ranha conta desde domingo, dia 18 de agosto, com um edifício de apoio e infraestruturas renovadas para acolher os turistas e veraneantes, não só do concelho de Cabeceiras de Basto, como da região norte do país. O ‘novo’ edifício de apoio será dinamizado pela ARDCA – Associação Recreativa, Desportiva e Cultural de Abadim que assinou, para o efeito, um protocolo de colaboração com a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e com a Junta de Freguesia de Abadim.
O espaço, que resulta da readaptação do antigo edifício do Matadouro, disponibiliza WC’s, balneários e uma zona de convívio aos utilizadores da Praia Fluvial da Ranha, instalações essas que estão, ainda, preparadas para acolher, no futuro, um bar com esplanada. De salientar que o edifício de apoio está aberto ao público, todos os dias, das 09h00 às 18h30.
Na praia fluvial foram, ainda, restaurados os passadiços, tendo também sido colocados novos caixotes do lixo, mesas e bancos em madeira, perfeitamente enquadrados na envolvente paisagística.

Na singela cerimónia de inauguração das requalificadas infraestruturas e do edifício de apoio marcaram presença os presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal, Eng. Joaquim Barreto e Dr. China Pereira, os presidentes das Juntas de Freguesia de Abadim, Painzela e Refojos, entre outros autarcas e população em geral.

Depois de cumprimentar todos os presentes, Joaquim Barreto realçou a importância do “fator água” como um fator de desenvolvimento e de riqueza concelhio, referindo que ao longo dos anos foram criadas várias praias fluviais junto ao rio com o intuito de levar os cidadãos a tirar partido da água nos seus tempos de ócio.

O autarca deixou o seu testemunho de “confiança e esperança” à ARDCA que assegurará, doravante, a gestão das novas instalações de acolhimento aos veraneantes, fazendo também um apelo aos utilizadores da praia para que zelem pelo espaço.

No total, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto investiu na requalificação do edifício de apoio e das infraestruturas uma verba de 50 mil euros, “investimento que é para continuar no futuro”, garantiu o edil.
Na oportunidade, Joaquim Barreto prestou a sua homenagem ao movimento associativo, considerando as associações e clubes “parceiros” do Município no processo de desenvolvimento e progresso concelhio.

Manifestando a sua satisfação por ser o “sócio nº 1 da ARDCA”, Joaquim Barreto, que está a cumprir o seu último mandato como presidente da Câmara Municipal, garantiu: “continuarei a ser um cidadão ativo e a defender os interesses de Cabeceiras de Basto”. E continuou: “eu acredito nos valores do trabalho, da seriedade e da verdade e a defesa do interesse público é o que me move”.

Nas suas palavras, o presidente da Assembleia Municipal, Dr. China Pereira, congratulou-se com os trabalhos de requalificação executados pela Câmara Municipal no antigo Matadouro, agora disponibilizado aos turistas com novas funções, um equipamento que vem “colmatar uma lacuna” existente nesta praia fluvial.
China Pereira manifestou, uma vez mais, o seu reconhecimento público à Câmara Municipal por todo o trabalho realizado no concelho ao longo dos últimos 20 anos que proporcionou a melhoria da qualidade de vida dos Cabeceirenses.

Na sua intervenção, a presidente da Associação Recreativa, Desportiva e Cultural de Abadim, Ana Rocha, agradeceu à Câmara Municipal a “confiança” depositada na associação e elogiou a qualidade das instalações que estão agora ao dispor da população. Ana Rocha aproveitou também o momento para sensibilizar os banhistas para a correta utilização dos equipamentos e das instalações.

Também os presidentes das Juntas de Freguesia de Abadim, Painzela e Refojos enalteceram o investimento feito pela edilidade na readaptação do antigo Matadouro, devolvendo o espaço à fruição dos cidadãos do concelho e de localidades vizinhas.

Na oportunidade, acompanhados por técnicos do Município e por responsáveis pela obra de adaptação do edifício de apoio à Praia Fluvial da Ranha, os autarcas visitaram o espaço e tiveram oportunidade de contactar com os utilizadores da praia, cujas margens se estendem pelas freguesias de Abadim e Painzela.
Este é um local muito procurado nesta altura do ano pelos veraneantes, entre eles muitos emigrantes que regressam à sua terra natal no período de férias de verão.

Adicionar comentário

Scroll