Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Câmara de Cabeceiras de Basto inaugura Casa da Juventude

e lança Cartão Jovem Municipal

16 de agosto de 2013
Os Presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal, Eng.º Joaquim Barreto e Dr. Serafim China Pereira, acompanhados pelo presidente da Junta de Refojos, Francisco Alves, demais autarcas da freguesia e do município, dirigentes associativos, convidados, população em geral e muitos jovens, procederam na segunda-feira à noite, dia 12 de agosto, à inauguração da Casa da Juventude, Associativismo, Artes, Ofícios e Gerações.

Uma iniciativa que assinalou também o Dia Internacional da Juventude em Cabeceiras de Basto e que resulta da obras de readaptação e requalificação levadas a cabo no edifício do Mercado Municipal, ajustando-o às novas dinâmicas sócio-económicas e culturais concelhias e desta forma, correspondendo aos anseios da população, sobretudo das camadas mais jovens.
O renovado edifício, localizado numa zona central da vila cabeceirense, acolhe agora espaços destinados à ocupação salutar dos tempos livres das várias faixas etárias da população e garante respostas distintas a nível formativo, cultural, lúdico e educativo, de segunda a sábado, das 9h000m às 20h00m, estando já definido um programa de atividades nas quais os interessados podem fazer a sua inscrição.
Uma ‘Casa’ onde as gerações se cruzam numa verdadeira partilha de conhecimentos, seja de cariz tradicional - já que vai ao encontro dos usos e costumes desta terra -, seja de cariz mais contemporâneo, nomeadamente ao nível da utilização das novas tecnologias de informação e multimédia, fotografia, entre outras áreas ligadas à inovação e ao empreendedorismo.
A Casa da Juventude, Associativismo, Artes, Ofícios e Gerações, é por isso “um espaço polivalente, aberto a todos”, disse na oportunidade o edil Cabeceirense, Eng.º Joaquim Barreto, adiantando que “aqui será o centro nevrálgico onde se concentra a ideia, o pensamento, a ação, a juventude, o associativismo, as artes, os ofícios e as gerações”. “É para mim, enquanto presidente da Câmara, ao fim de 20 anos de atividade, muito gratificante constatar que, de ano para ano, se criam mais associações. E se se criam mais associações, nós temos um pensamento mais coletivo à nossa volta a influenciar-nos e a dinamizar aquilo que é a intervenção da Câmara Municipal”, disse o autarca, acrescentando: “Sinto-me orgulhoso e honrado com o movimento associativo que temos. A Câmara Municipal tem estado ao lado desse movimento associativo, procurando rejuvenescê-lo, regenerá-lo e apoiá-lo para que prestem melhores serviços à comunidade cabeceirense”.
No ato inaugural da Casa da Juventude, Associativismo, Artes, Ofícios e Gerações, Joaquim Barreto prestou ainda, de uma forma “simbólica, sentida e sincera”, a sua homenagem ao movimento associativo do concelho de Cabeceiras de Basto, afirmando que as associações e clubes, “de uma forma ativa e colaborante”, têm sido “os principais dinamizadores da nossa atividade e os parceiros privilegiados com quem o Município e as Juntas de Freguesia têm contado para implementar e desenvolver as mais diversas iniciativas”.
Por sua vez, o Presidente da Assembleia Municipal, Dr. China Pereira no uso da palavra disse: “Eu acredito em Cabeceiras de Basto. Cabeceiras de Basto tem futuro. Com equipamentos como a Casa da Juventude, a Casa do Tempo e muitos outros, Cabeceiras não só melhorou, como também se diferenciou. E todos nós temos de ter a ambição necessária para continuar a trabalhar no nosso concelho para que os Cabeceirenses se sintam cada vez melhor em Cabeceiras de Basto, tenham mais qualidade de vida e se sintam mais felizes na terra que os viu nascer”.

No decurso deste ato inaugural foi feita uma breve apresentação das valências deste ‘novo’ equipamento municipal, agora colocado à disposição da população, cuja grande mudança aconteceu sobretudo no primeiro piso deste edifício que passa a albergar: a sala do associativismo, a universidade sénior, salas de formação e de estudo, gabinete do empreendedorismo, espaço multimédia, sala de convívio, sala de figurinos/costura, atelier de artes e ofícios, sala de reuniões/espaço de ideias, espaço para arrumos de material de limpeza, vestiário, refeitório e cantina. No primeiro piso, funcionam também a receção, um estabelecimento comercial e os serviços da PROBASTO. Também a cave foi alvo de várias alterações onde existem atualmente, espaços que acolhem ateliers diversos – tamanqueiro, fotografia, artes cénicas - um auditório, um espaço expositivo, arrumos e sanitários, assim como, uma cozinha destinada a formações na área da gastronomia.

Ainda durante a abertura desta Casa da Juventude, o Município de Cabeceiras de Basto assinou um acordo de colaboração com a MOVIJOVEM – Mobilidade Juvenil, Cooperativa de Interesse Público de Responsabilidade Limitada, tendo em vista a criação e implementação do Cartão Jovem Municipal European Youth Card (E.Y.C), aqui designado por Cartão Jovem Municipal do Município de Cabeceiras de Basto.

Um documento destinado a todos os jovens residentes neste concelho, com idades compreendidas entre os 12 e os 29 anos de idade, através do qual os seus portadores têm acesso a diversas vantagens disponibilizadas pelos serviços camarários e outras entidades.

A inauguração da Casa da Juventude, cujas obras representam um investimento na ordem dos 200 mil euros, prolongou-se noite dentro, em clima de grande animação proporcionada por grupos e artesãos locais, que apresentaram danças, músicas, artesanato urbano e tradicional, culminando com um belo momento de teatro proporcionado pelo Centro de Teatro da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, que tem a sua sede neste edifício. No percurso da visita acompanhada por um grande número de pessoas, foram ainda apresentados: o espaço do associativismo onde várias coletividades locais têm a sua sede, a Universidade Sénior, os ateliers com distintas demonstrações ao vivo, os espaços destinados à aprendizagem de música, Inglês, multimédia, fotografia, bem como, uma exposição alusiva às artes cénicas ali patente ao público e a atuação de bandas de garagem que aqui encontraram um espaço para os seus ensaios musicais.

Adicionar comentário

Scroll