Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Convívio «Mais Vida» junta cerca de um milhar de cabeceirenses

Iniciativa é um reconhecimento do Município aos mais idosos

22 de julho de 2013
Convívio «Mais Vida» junta cerca de um milhar de cabeceirenses
No terceiro dia da Festa da Saúde e da Solidariedade de Cabeceiras de Basto, que terminou no dia 21 de julho, realizou-se o Convívio ‘Mais Vida’ com um almoço seguido de uma tarde de animação para a população sénior de Cabeceiras de Basto.
Desta vez e antecipando o Dia dos Avós, a organização da Câmara Municipal, da Basto Vida e da Emunibasto convidou, também, os netos a participarem na iniciativa promovendo o convívio intergeracional.

Cerca de um milhar de pessoas juntou-se ao almoço-convívio que decorreu na Praça Arcipreste Francisco Xavier de Almeida Barreto (Mercado Municipal), um almoço preparado e servido por cerca de 70 voluntários.

Esta iniciativa solidária, cooperante e humanizada, tem como objetivo combater o isolamento e promover a qualidade de vida, proporcionando momentos de lazer e de confraternização ao setor da população mais idosa e respetivos netos, estimulando uma vida mais ativa e ajudando a quebrar com o ciclo de solidão e rotina que tantas vezes acompanha o quotidiano dos seniores.

Esta iniciativa contou com a presença dos presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal, Eng. Joaquim Barreto e Dr. China Pereira, dos vereadores Dr. Domingos Machado e Francisco Pereira, dos presidentes das Juntas de Freguesia, entre outros autarcas.

Nesta tarde de animação, subiram ao palco os ‘Corajosos de Salto’ e os utentes dos Espaços de Convívio e Lazer do concelho, que cantaram e dançaram para os presentes.

Na oportunidade, o presidente da Junta de Freguesia de Refojos saudou os presentes e afirmou ser “uma honra receber esta iniciativa na sua freguesia”. Francisco Alves desejou também “que todos continuem a participar nestas iniciativas”.

Por seu turno, o presidente da Câmara Municipal, dirigindo-se aos participantes, disse: “nós lembramo-nos dos idosos todos os dias do ano porque estão sempre presentes na nossa memória e no nosso coração”.
Joaquim Barreto, há 20 anos a dirigir o Município de Cabeceiras de Basto, fez um paralelismo com o que encontrou em 1994 e o que existe na atualidade, realçando que “hoje temos um concelho muito diferente, com variadas respostas sociais e serviços prestados à população idosa através do Posto Móvel de Atendimento ao Cidadão e dos Espaços de Convívio e Lazer”. Destacou, também, as inúmeras iniciativas socioculturais dirigidas à população sénior que a autarquia leva a efeito ao longo do ano, como é o caso deste Convívio ‘Mais Vida’.

China Pereira elogiou a realização deste evento, classificando-o como “um gesto de profundo humanismo para com os mais vulneráveis”, constituindo-se o convívio “um reconhecimento do Município aos mais idosos que muito deram de si à nossa terra, ao longo da sua vida ativa”.

Tónica comum às duas intervenções foi o facto de Joaquim Barreto e China Pereira manifestarem a sua total disponibilidade para continuarem, no futuro, a estar ao lado dos Cabeceirenses na defesa dos seus interesses.

Ambos os autarcas enalteceram e agradeceram o envolvimento e trabalho de tantos voluntários que, de uma forma desinteressada e solidária, aceitaram estar hoje a apoiar esta iniciativa.

Adicionar comentário

Scroll