Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Câmara entrega 94 bolsas de estudo num investimento superior a 64 mil euros

Medida foi implementada pelo executivo a partir do ano letivo de 1996/1997

5 de julho de 2013
Câmara Municipal entrega 94 bolsas de estudo num investimento superior a 64 mil euros
Os presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal de Cabeceiras de Basto, Eng. Joaquim Barreto e Dr. China Pereira, entregaram no dia 5 de julho, 94 bolsas de estudo a jovens cabeceirenses, um investimento que totaliza 64.464,64 euros. Esta é uma ação realizada no âmbito do Regulamento da Concessão de Apoio a Estratos Sociais Desfavorecidos do Município.
A cerimónia da entrega de bolsas de estudo relativa ao ano letivo de 2011/2012 decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho, onde se juntaram familiares e amigos dos bolseiros.

Nesta cerimónia estiveram, ainda, presentes a vice-presidente da Câmara Municipal, Margarida Coutinho, os vereadores Dr. Domingos Machado e Francisco Pereira, os presidentes e representantes das Juntas de Freguesia, entre outros autarcas e público em geral.

Num universo de 183 candidaturas, foram entregues 94 bolsas de estudo. De salientar que esta é uma medida municipal, implementada pelo executivo cabeceirense a partir do ano letivo de 1996/1997. Desde essa data até hoje foram já atribuídas 510 bolsas de estudo, num investimento que ultrapassa os 371 mil euros.

Na sua intervenção, o presidente da Câmara Municipal reconheceu o bom aproveitamento escolar, o mérito, a dedicação, o esforço e empenho obtidos pelos jovens bolseiros, desejando-lhes sucesso para o futuro.
Joaquim Barreto disse que estas bolsas de estudo “são um investimento nos jovens e um incentivo à continuação dos seus estudos”.

São igualmente “um auxílio económico aos pais para ajudar a colmatar as despesas das famílias com a educação”, revelando-se esta “uma medida proativa que promove a igualdade de oportunidades, premiando o mérito dos jovens estudantes que frequentam o ensino secundário e superior.

Por seu turno, o presidente da Assembleia Municipal, Dr. China Pereira, destacou a importância das bolsas de estudo, afirmando-se conhecedor da alegria que pais e alunos sentem por verem reconhecidos os seus esforços, uma vez que, ele próprio, filho de gente humilde, foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian, desde o ensino secundário até à conclusão do seu curso de Medicina.

China Pereira sublinhou que “esta é uma medida de humanismo que cria equidade social”, dando os parabéns aos alunos e encarregados de educação, assim como à Câmara Municipal pela iniciativa implementada desde 1996. “O melhor investimento é nas pessoas, na sua educação e formação”, finalizou o presidente da Assembleia Municipal de Cabeceiras de Basto.
 

Adicionar comentário

Scroll