Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Cabeceiras de Basto apresenta exposições de pintura e banda desenhada

Podem ser visitadas no Posto de Turismo e na Casa Municipal da Cultura

4 de abril de 2013
Cabeceiras de Basto apresenta exposições de pintura e banda desenhada
O Presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Engº. Joaquim Barreto, procede amanhã, dia 5 de abril, à inauguração de duas exposições, uma de pintura e outra de banda desenhada que estarão patentes ao público, no Posto de Turismo e na Casa Municipal da Cultura, respetivamente.
Assim, pelas 18h00m, no Posto de Turismo Municipal, localizado na Praça da República desta vila Cabeceirense, terá lugar a abertura da exposição do Artista Plástico Domingos Mendes da Silva. Trata-se de um artista minhoto, que nasceu em 1955 na Póvoa de Lanhoso. No Conservatório Calouste Gulbenkian, em Braga, iniciou-se no mundo das artes, sob a orientação do professor Nuno Barreto.

Com os pais a residir em Paris, ali se deslocou e contactou com o mundo artístico parisiense. Após ter frequentado o Curso de Artes do Fogo na Escola de Artes Decorativas Soares dos Reis, no Porto, viajou para Fança e Suíça, onde permaneceu algum tempo. Na Suíça deixou-se fascinar pela obra de Vieira da Silva. Em 1979, iniciou a sua carreira no ensino na Escola Soares dos Reis, procurando ao longo da vida valorizar-se profissionalmente, frequentando vários cursos e visitando vários locais do mundo. Os seus trabalhos integram diversas coleções particulares e instituições públicas.

Esta exposição que apresenta uma coletânea de 8 quadros, correspondendo cada um deles a cada concelho pertencente à Comunidade Intermunicipal do Ave - Cabeceiras de Basto, Fafe, Guimarães, Mondim de Basto, Póvoa de Lanhoso,  Vieira do Minho, Vila Nova de Famalicão e Vizela - será a primeira de um conjunto de exposições que estarão nos municípios que fazem parte da Comunidade Intermunicipal do Ave entre os meses de abril e julho de 2013. Em Cabeceiras de Basto, estará patente ao público de 5 a 16 de abril.

Esta breve cerimónia inaugural dará lugar a uma outra, agendada para as 18h30m, na Casa Municipal da Cultura, onde será aberta ao público uma exposição de banda desenhada de autoria de Mário José Teixeira.
Trata-se de uma mostra de trabalhos em banda desenhada, forma de arte que conjuga texto com imagens, tendo como objetivo narrar histórias dos mais variados géneros e estilos. Geralmente publicados em formato de livro ou em tiras nos jornais esta é uma arte também conhecida por arte sequencial e narrativa figurada, que o autor transporta para algumas telas apresentando obras de grande interesse e beleza.

De referir que Mário José Teixeira, é um artista a residir atualmente em Cabeceiras de Basto. Nasceu em Moçambique em 1962 e tem divivido a sua vida entre Portugal e o Canadá, tal como dividiu o seu desenho entre a BD, o cartoon e a pintura. Com trabalhos regularmente publicados desde 1980, participou em inúmeras exposições e iniciativas associadas à divulgação da 9ª arte, onde foi premiado várias vezes. É membro fundador da associação de cartonistas, FECO/Portugal.

A findar a cerimónia, terá lugar naquele espaço cultural um momento musical com o saxofonista Pedro Miguel, da Banda Cabeceirense.

Adicionar comentário

Scroll