Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

«Miguelitos» conquistam júri do Concurso Doce Cabeceirense

Iniciativa integrada no programa cultural «Mosteiro de Emoções»

20 de maio de 2019
1.º Prémio - «Miguelitos» de Alice Alves
Os ‘Miguelitos’ de Alice da Conceição de Magalhães Alves foram os grandes vencedores do Concurso ‘Doce Cabeceirense’, cujos vencedores foram anunciados no dia 18 de maio, na Casa do Tempo. Em segundo lugar, com os ‘Sonhos Emocionantes’, classificou-se Maria Beatriz Ribeiro Carvalho, tendo obtido uma Menção Honrosa (concorrente mais jovem) Juliana Teresa Vaz Martins que apresentou a este concurso os pastéis ‘Os Bastos’.
Este foi o veredito do júri composto por Anabela Ramos, Arminda Costa e Helena Chaves que teve como missão avaliar a originalidade, a genuinidade, a apresentação e a viabilidade comercial dos onze doces apresentados ao Concurso ‘Doce Cabeceirense’.

Os ‘Miguelitos’ são ‘enrolados’ de feijão amarelo, farinha e vinho verde (…) com recheio de ovos e mel (…). “Docinho é o Miguelito, de feijão é o meu pastel, umas gotas de vinho verde e uma pitada de mel” foi a quadra que acompanhou a receita original de Alice Alves, a grande vencedora do ‘Doce Cabeceirense’.

Após o anúncio dos resultados do concurso, todos os presentes foram convidados para a degustação do Doce Cabeceirense. Trata-se de mais uma iniciativa integrada no programa cultural Mosteiro de Emoções, programa este que é financiado por fundos comunitários, através do Norte 2020.
1.º Prémio - «Miguelitos» de Alice Alves

Adicionar comentário

Scroll