Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Presidente da Câmara inaugura 23.ª edição da Festa da Orelheira e do Fumeiro

Espera-se uma comercialização de cerca de 15 toneladas de fumeiro

1 de março de 2019
Subdiretora-Geral de Alimentação e Veterinária inaugura 23.ª edição da Festa da Orelheira e do Fumeiro
Foi inaugurada dia 1 de março, ao final da tarde, a 23.ª edição da Festa da Orelheira e do Fumeiro de Cabeceiras de Basto, uma iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e produzida pela Mútua de Basto/Norte, evento que decorre até segunda-feira, dia 4 de março, no Pavilhão Gimnodesportivo de Refojos.
Estiveram presentes nesta cerimónia de inauguração o presidente da Câmara Municipal, Francisco Alves, que presidiu à sessão, o presidente da Assembleia Municipal e presidente da Mútua de Basto/Norte, Eng. Joaquim Barreto, a Diretora Regional de Agricultura e Pescas do Norte, Eng.ª Carla Alves, a Subdiretora-Geral de Alimentação e Veterinária, Dra. Graça Mariano, vereadores, presidentes de Juntas de Freguesia, membros da Assembleia Municipal, entre outros autarcas.

Marcaram também presença nesta cerimónia de abertura, representantes do comandante do RC6 de Braga e da GNR, a diretora do Centro de Emprego, a diretora do Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto, a direção da Associação Empresarial de Fafe, Cabeceiras de Basto e Celorico de Basto, demais diretores da Mútua de Basto/Norte, entre outros convidados e público em geral.

Em 2019 a organização do certame espera uma comercialização de cerca de 15 toneladas de fumeiro, atingindo um volume de negócios na ordem dos 150 mil euros.

O presidente da Câmara disse aos jornalistas que a Festa da Orelheira e do Fumeiro de Cabeceiras de Basto “é uma aposta ganha”, sendo uma das iniciativas socioeconómicas “mais importantes para o nosso concelho”. “Nesta grande festa pretendemos dar a conhecer a qualidade e a autenticidade dos nossos produtos locais”, disse Francisco Alves.

Em declarações à imprensa, a Diretora Regional de Agricultura e Pescas do Norte realçou o interesse da realização de eventos como a Festa da Orelheira e do Fumeiro para a dinamização dos produtos locais, valorizando as raças autóctones. “Estes negócios fixam as pessoas”, acrescentou Carla Alves.

Por seu turno, a Subdiretora-geral de Alimentação e Veterinária destacou a importância desta feira para os pequenos produtores, bem como a “grande qualidade” dos seus produtos.

O presidente da Mútua de Basto/Norte, assegurou que “a Mútua é um parceiro ativo da Câmara Municipal na promoção dos produtos locais”, com destaque para o porco bísaro. “Estão todos de parabéns”, referiu Joaquim Barreto.

Na abertura do evento, momento abrilhantado pelo grupo de cantares ‘Os Amigos de Cabeceiras’, a comitiva visitou os 77 produtores/expositores presentes nesta feira. Dos 42 produtores de fumeiro, 12 são produtores de Cabeceiras de Basto, e ainda 35 expositores de produtos locais e, ainda, quatro associações/instituições. Fumeiro, vinhos verdes, compotas e licores, ervas aromáticas, mel, azeite, doces tradicionais, artesanato, produtos da terra (hortícolas, frutas, broa…).

A promover as suas atividades, estão presentes neste certame quatro associações/instituições, designadamente, a Mútua de Basto/Norte, a Probasto, a Basto Empreende e a Escola Profissional de Fermil.

Do programa destaca-se esta noite a intervenção teatral a levar a efeito pelo Centro de Teatro da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto (CTCMCB) e, na tarde de domingo, o tradicional leilão de orelheiras, seguido da atuação do artista popular Augusto Canário.

Este evento com dimensão regional apresenta um programa com animação musical muito diversificado com teatro, concertinas, cantares ao desafio, folclore, leilão das orelheiras, jogo do pau, dança e um grande espetáculo de Augusto Canário.

Até segunda-feira, no Pavilhão Gimnodesportivo de Refojos será também promovida a ‘Tendinha’, no exterior do Pavilhão, onde o visitante terá a possibilidade de degustar os produtos de fumeiro e apreciar a gastronomia local.


Programa    

2 DE MARÇO – SÁBADO
10:00h – Abertura
14:30h – Animação musical com o grupo de concertinas ‘SDF – Cabeceiras de Basto’
15:30h – Atuação do Rancho Folclórico ‘Os Camponeses de Arosa’
21:00h – Demonstração de coreografias
- Centro de Dança ‘Corpo e Movimento’
    - Clube Desportivo de Cabeceiras de Basto – Ballet e Dança Contemporânea
    - Academia Sempre em Forma – Grupo de Dança ‘Dance Kids’ e ‘Top Dance’
- Cantares ao Desafio –Lopes de Travassô, Carvalho de Cucana e Adília de Arouca
24:00h – Encerramento

3 DE MARÇO – DOMINGO
10:00h – Abertura
14:30h – Demonstração do Jogo do Pau - ‘Associação Recreativa, Desportiva e Cultural de Abadim’ – ARDCA
- Leilão de Orelheiras
- Atuação de grupo musical ‘Augusto Canário e Amigos’
19:00h – Encerramento

4 DE MARÇO – Segunda-feira
9:00h – Abertura
11:30h – Encerramento

Adicionar comentário

Scroll