Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Presidente desafia população a abraçar o Mosteiro de S. Miguel de Refojos

Com as Mulheres de Bucos «DÁ LÃ UM ABRAÇO AO MOSTEIRO»

22 de janeiro de 2019
Presidente desafia população a abraçar o Mosteiro de S. Miguel de Refojos
No próximo dia 24 de janeiro, o Presidente Francisco Alves, apresenta, na Casa da Lã, em Bucos pelas 11 horas, o projeto ‘Dá lã um abraço ao Mosteiro’ que, em conjunto com as Mulheres de Bucos, pretende criar uma rede humana de naturais, residentes e visitantes para um abraço ao Mosteiro de S. Miguel de Refojos no dia 3 de junho de 2019.
Integrada na programação do Mosteiro de Emoções, a iniciativa deseja envolver toda a comunidade Cabeceirense através da produção manual de cachecóis em tricot.

1 CABECEIRENSE = 1 CACHECOL

Com esta iniciativa a Câmara destaca o trabalho das Mulheres de Bucos que dão vida à Casa da Lã, um verdadeiro núcleo museológico vivo que integra o Museu das Terras de Basto, onde a arte venceu o tempo e se tornou uma marca idiossincrática das mulheres da aldeia de Bucos. Estas artesãs participam na dinamização da iniciativa através do ensinamento e apoio a todos os que queiram fazer um cachecol e participar, depois, no grande abraço.

O desafio é lançado a todos os Cabeceirenses, às famílias, às instituições. Fazer um cachecol de lã! Um Cabeceirense um cachecol, uma família um cachecol, uma instituição um cachecol.

O cachecol será em lã e resultará da criatividade e imaginação de cada participante. Terá a dimensão adequada (entre 1,40m e 1,60m de comprimento e entre 0,25m e 0,30m de largura), mas não está vedada a possibilidade de, no caso das instituições, ele ter dimensões superiores ou muito superiores às indicadas. Pode ser mesmo um cachecol gigante.

Os participantes poderão adquirir a lã e, eventualmente, as agulhas nos estabelecimentos de venda destes produtos, mas a Câmara Municipal, para facilitar a aquisição da matéria-prima, vai também colocar à venda meadas de lã e agulhas nos seguintes pontos: Casa da Cultura | Casa do Tempo | Casa do Povo do Arco de Baúlhe. Também a Casa da Lã terá lã à venda para todos os interessados.

O desafio é produzir o cachecol ao longo dos próximos meses de inverno para que, no dia 3 de junho, às 10h00, possa ser dado um abraço gigante ao Mosteiro.

O Município de Cabeceiras de Basto comemora neste dia, e com este abraço ao Mosteiro, o Dia Mundial da Criança, pelo que conta com a participação de toda a comunidade educativa, desafiando cada criança e jovem estudante a levar o seu cachecol para o abraço ao Mosteiro.

O cachecol poderá ser oferecido pelos participantes ao Mosteiro, comprometendo-se a Câmara Municipal a promover, posteriormente, uma exposição de cachecóis, em novo momento de grande manifestação de carinho pelo património.

Adicionar comentário

Scroll