Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Alvite e Passos

Junta de Freguesia

Hélio Vaz
Presidente da Junta: Hélio Luís Vaz Alves, Eng. (PS)
Secretário: Avelino Oliveira Silva Teixeira (PS)
Tesoureira: Cristina Maria Teixeira Leite (PS)

Assembleia de Freguesia
Presidente: João Paulo Mateus Rolo (PS)
1º Secretário: David Sousa Rebelo (PS)
2º Secretário: Ângela Maria Teixeira de Sousa (PS)
1º Vogal: Abel de Oliveira Barros (PPD/PSD - CDS-PP)
2º Vogal: António Teixeira Vieira (PPD/PSD - CDS-PP)
3º Vogal: Natália Teixeira de Magalhães (PPD/PSD - CDS-PP)
4º Vogal: José Fernando Oliveira Neves (PS)
5º Vogal: João Teixeira dos Reis (PS)
6º Vogal: Jorge Nuno de Carvalho Magalhães (PS)

As Leis nº 22/2012, de 30 de maio e 11/A/2013, de 28 de janeiro, estabeleceram uma nova organização administrativa do território das freguesias tendo agregado as freguesias de Alvite e Passos que, a partir da entrada em vigor, passou a designar-se União das Freguesias de Alvite e Passos, com uma área de 12,44 Km2 e 1.184 habitantes (censos 2011).
 

Alvite

Casa da Torre - Alvite
Casa da Torre - Alvite
Situada na raiz de um alto monte, a Serra da Ourada, a antiga freguesia de Alvite foi couto do Mosteiro de S. Miguel de Refojos. Engloba três aglomerados, Petimão, Reiros e Cacheina. Possui vários edifícios de importante valor histórico e arquitetónico.

A casa da Torre foi reconstruída no século XVI pela família Cunha Reis, que mais tarde edificou o Solar Alvação. A Casa de Sto. Antonino, da família Meireles, possui valiosos quadros, uma rica biblioteca e uma exposição de coches e carruagens, no rés-do-chão. A Casa de Lamas foi construída por um ramo da família Alvim, descendente de D. Leonor de Alvim, mulher de D. Nuno Álvares Pereira. A capela de Sta. Catarina tem a particularidade de estar encrustada numa penedia. Das atividades económicas, destaca-se a agricultura, a pequena indústria e o comércio.

Das festas e romarias S. Pedro de Alvite, S. Sebastião, Santa Catarina, Senhora da Aparecida e Senhora da Piedade, são as mais relevantes. Do património cultural e edificado, sobressai a Torre de Alvite, a capela de Santa Catarina e capela da Senhora da Aparecida, Casa de Santo Antonino, Casa dos Chãos, Casa de Lamas, Casa de Alvação e Casa do Casal de Alvite. Nesta localidade pode-se apreciar a vitela assada e o bacalhau à lagareiro.

As coletividades existentes são, a Associação Cultural e Recreativa “Os Leões de Alvite” e a Associação Cultural e Recreativa “Águias de Alvite”.
 

Passos

Igreja de S. Sebastião (Igreja Paroquial de Passos)
Igreja de S. Sebastião (Igreja Paroquial de Passos)
Com a agricultura como atividade predominante a antiga freguesia de Passos era uma das mais pequenas do concelho. Situa-se na extremidade Sudoeste do território Cabeceirense, encaixada entre as antigas congéneres de Outeiro, Refojos, Alvite e os Municípios de Celorico de Basto e Fafe. Apresenta uma topografia um pouco acidentada de onde sobressaem a Serra da Orada e o rio Petimão, seus principais acidentes de relevo.

O património edificado desta freguesia é modesto, merecendo apenas ligeira referência a Igreja de S. Sebastião, cruzeiro paroquial, cruzeiro da restauração, alminhas, pelourinho e marco milenário.

Das festas e romarias destaca-se a Festa do Senhor, a 19 de Junho.
Scroll