Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Mensagem

Presidente Francisco Alves


Caros(as) Cabeceirenses

Terminamos o ano de 2017 com a certeza de que demos o nosso melhor em prol da melhoria da qualidade de vida dos Cabeceirenses, um trabalho assente num projeto de desenvolvimento sustentável que continuamos a ambicionar para o nosso concelho. Aproveito esta oportunidade para reafirmar a minha gratidão pela confiança depositada pelos Cabeceirenses no nosso projeto no dia 1 de outubro de 2017. Queremos honrar os nossos compromissos e continuar a trabalhar em prol do bem comum.

Iniciamos 2018 com muitas ideias para concretizar e que irão, certamente, engradecer Cabeceiras de Basto e as suas gentes.
Neste novo ano que agora começa continuarão a ser desenvolvidos projetos de valorização e preservação do Mosteiro de S. Miguel de Refojos, ex-líbris do concelho Cabeceirense. O Campo do Seco será revitalizado e manteremos a nossa aposta na melhoria da qualidade ambiental.

Vamos continuar a trabalhar no projeto da Candidatura do Mosteiro de S. Miguel de Refojos a Património Cultural da Humanidade, através da nossa participação na Rede de Mosteiros e Paisagens Culturais Beneditinas que integramos no decurso do ano de 2017 e que agrega, para além do Nosso Mosteiro, o Mosteiro de S. Bento da Vitória, no Porto, o Mosteiro de S. Bento, em Santo Tirso, o Mosteiro de Rendufe, de Amares, o Mosteiro de Pombeiro, em Felgueiras e o Mosteiro de Tibães, em Braga. A Câmara Municipal continuará a fazer tudo para ver este Mosteiro inscrito na Lista Indicativa de Portugal ao Património da UNESCO como bem em série, sob a coordenação da Direção Regional de Cultura do Norte. Cabeceiras de Basto e os Cabeceirenses acreditam no sucesso desta candidatura e, por isso, a Câmara Municipal continuará a trabalhar na conservação, restauro e valorização deste património histórico-cultural de excelência e que tanto diz aos Cabeceirenses.

Ao longo do ano será ainda promovido um vasto programa cultural com o Mosteiro de S. Miguel de Refojos como elemento central. Serão igualmente concluídas várias obras de reabilitação e conservação do Mosteiro e criado um percurso de visitação do Mosteiro.

No Campo Seco – espaço urbano de elevado potencial – vai iniciar-se uma intervenção qualificadora que permitirá aumentar a qualidade do uso do espaço urbano, ampliando a sua versatilidade para as ocupações que recebe. Para além da revitalização de todo o espaço, serão construídas instalações sanitárias, será ordenado o estacionamento, instalado mobiliário urbano e criadas diversas áreas verdes com o intuito de refrescar o local. Uma intervenção que possibilitará uma nova vivência naquele local muito voltado para a vertente comercial, onde a Feira Semanal e a Feira Anual se manterão.

Dar-se-á igualmente início às obras de requalificação urbanística da Avenida Capitão Elísio de Azevedo na vila do Arco de Baúlhe.

Na senda do dinamismo e crescimento que queremos para Cabeceiras de Basto, a Câmara Municipal vai investir na melhoria da qualidade ambiental através da construção de novas redes de saneamento e da reabilitação das ETAR’s existentes, bem como na melhoria do serviço de limpeza e recolha de resíduos.

Vamos também continuar a aposta no reforço do serviço de abastecimento público de água. Neste novo ano continuaremos a melhorar as condições das captações e reforço das mesmas, armazenamento e tratamento da água distribuída à população. Tem sido um trabalho notável que tem permitido prestar um bom serviço, disponibilizando às pessoas mais e melhor água.

Em 2018 entram em pleno funcionamento os 34 ecopontos subterrâneos que estão em fase de construção e que foram objeto de financiamento por parte do POSEUR – Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, Portugal 2020 e União Europeia, através do Fundo de Coesão.

Neste ano o desporto voltará também a ter grande destaque com a realização do Rally de Portugal, no mês de maio; uma nova Especial Sprint/Racing Festival com rali em terra batida e uma super especial urbana na vila de Cabeceiras de Basto; a organização do Troféu X-Trophy, prova de resistência TT e Quad; e ainda uma nova edição Urban Race, prova urbana de BTT.

Estas são algumas das obras e iniciativas que marcarão o ano de 2018 e que contribuirão para aumentar a notoriedade do nosso concelho aquém e além fronteiras.

A todos os Cabeceirenses quero desejar um Bom Ano, repleto de concretizações pessoais e profissionais.



Francisco Luís Teixeira Alves
[Presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto]

4 janeiro 2018
Null
Cabeceiras
Yahoo! Weather
  • Null
  • Null
  • Null
  • Null
Scroll