Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Câmara Municipal e IBERDROLA assinam protocolos

Serão plantados entre 20 a 30 carvalhos em plena Serra da Cabreira

28 de novembro de 2018
IBERDROLA
A Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e a IBERDROLA Generación S.A. Unipessoal assinam amanhã, dia 29 de novembro, no Parque Aventura em Foliposo, freguesia de Riodouro, em plena Serra da Cabreira, dois protocolos – um no âmbito da valorização da fauna e flora em território Cabeceirense e outro relacionado com o apoio à constituição de uma Equipa de Intervenção de Permanente nos Bombeiros Cabeceirenses.
Na oportunidade serão plantados entre 20 a 30 carvalhos naquela zona florestal, numa ação simbólica daquilo que representa esta iniciativa de sensibilização ambiental.

O protocolo que visa o desenvolvimento de atividades relativas à fauna e flora nomeadamente plantações, melhorias florestais, manutenção das plantações, recolha de sementes, entre outros, constituem ações no âmbito das medidas compensatórias do projeto do Sistema Eletroprodutor do Tâmega, protocolo que foi aprovado em reunião do Executivo Cabeceirense do dia 28 de setembro. Este protocolo tem um período de vigência de 6 anos e estabelece as condições de financiamento asseguradas pela IBERDROLA pela execução, por parte do Município, das atividades relativas à fauna e flora acima mencionadas.

Esta parceria entre a Câmara Municipal e a IBERDROLA apresenta inúmeras vantagens do ponto de vista ambiental e socioeconómico, atendendo ao facto de que estão em causa a recuperação de vastos espaços florestais concelhios, o fomento da economia e do emprego local.

Na reunião camarária do dia 14 de setembro foi, igualmente, aprovado um protocolo de apoio financeiro para a aquisição de equipamentos de suporte e meios materiais de auxílio ao funcionamento da EIP, no âmbito do protocolo celebrado entre o Município Cabeceirense, a Autoridade Nacional de Proteção Civil e a Associação Humanitária dos Bombeiros Cabeceirenses, com o objetivo de assegurar em permanência a intervenção de socorro em ocorrências no âmbito da proteção civil, bem como aquisição de equipamentos de suporte, meios materiais e realizar ações de formação de reconhecida importância para garantir a segurança no âmbito dos trabalhos de execução do Sistema Eletroprodutor do Tâmega. O protocolo vigorará até dezembro de 2021.

Para a Iberdrola, “este será um momento assinalável no crescimento da ligação que tem vindo a desenvolver com o município de Cabeceiras de Basto. A assinatura destes dois protocolos – nas áreas de flora e fauna e no apoio a uma Equipa de Intervenção de Permanente – é, para a Iberdrola, representativa do contributo que quer trazer à região em que está a ser construído o Sistema Eletroprodutor do Tâmega. Recorde-se que esta obra representa um investimento superior a 1.500 milhões de euros, em curso até 2023”.

Adicionar comentário

Null
Cabeceiras
Yahoo! Weather
  • Null
  • Null
  • Null
  • Null
Scroll