Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Programa de Natal abre com inauguração de Presépios do Mundo

Exposição pode ser visitada até 28 de janeiro de 2018

2017-12-04
Presidente da Câmara e autora da exposição na sessão inaugural
No dia 30 de novembro, na Casa do Tempo, Centro UNESCO, foi inaugurada a Exposição de Presépios do Mundo – coleção particular de Maria Helena Sacadura Cabral Simões, dando assim início a um vasto programa de Natal, iniciativa designada – “Cabeceiras de Basto, Um Lugar Mágico” que o Município organiza em parceria com instituições e associações concelhias e se prolonga até ao próximo dia 7 de janeiro de 2018.
A inauguração contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal, Francisco Alves, que se fez acompanhar dos vereadores e onde se encontravam também vários presidentes de Junta de Freguesia, entre outros autarcas e muitos convidados.

O momento foi abrilhantado pelas Guias de Cabeceiras de Basto que deram um colorido muito bonito à sessão inaugural interpretando seis músicas de Natal.

Maria Helena Sacadura Cabral Simões, nasceu na Beira Alta, no concelho de Almeida, vive em Lisboa e foi funcionária de missões diplomáticas de língua espanhola em Portugal, durante mais de trinta anos.

Conta, assim, como nasceu esta ideia de colecionar, - “juntar” como a própria gosta de dizer - presépios de origens tão diversas como da Mongólia, do Chile, do Egipto e de tantas outras partes do mundo:

“Num ano ofereceram-me um presépio da Colômbia. Para o primeiro Natal do nosso filho mais velho compramos um presépio de bonitas figuras clássicas policromadas.
Recebi um segundo presépio da Colômbia. Comecei a gostar de ver presépios nas feiras e nas nossas viagens. Além do seu significado admirei a imaginação, a criatividade, o humor e a ternura que nos transmitem essas figuras, a maior parte delas artesanais. Um dia vi um presépio e gostei, comprei um e mais outro. Começaram a oferecer-me presépios. Achámos engraçado, eu e o meu marido, comprar alguns presépios nas nossas viagens. E assim os fui juntando. O meu marido não só me tem acompanhado neste gosto apoiando-o, como tem sido o meu grande “ofertante”. E foi assim como a coleção que não foi programada, aconteceu.”

O Presidente da Câmara agradeceu à colecionadora a cortesia que teve de vir expor a Cabeceiras de Basto os seus presépios e desejou que os visitantes possam admirar os cerca de oitenta presépios expostos, até ao próximo dia 28 de janeiro de 2018. O Presidente da Câmara não esqueceu também as meninas Guias de Portugal – 1ª Companhia de Cabeceiras de Basto que tão bem interpretaram canções de Natal.

É caso para dizer: Chegou o Natal a Cabeceiras de Basto!

Adicionar comentário

Null
Cabeceiras
Yahoo! Weather
  • Null
  • Null
  • Null
  • Null
Scroll