Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Festival de Teatro ContraCena chegou ao fim com balanço muito positivo

Movimentou a dinâmica regional com apresentações que extrapola as fronteiras e expande a cultura local

2017-05-08
Festival de Teatro ContraCena chegou ao fim com balanço muito positivo
O espetáculo ‘Don Quijote’ levado ao palco do Parque Urbano, em plena natureza, pelo Limiar Teatro da Galiza, Espanha, encerrou com chave de ouro a segunda edição do Festival de Teatro ContraCena que decorreu ao longo de quatro dias em Cabeceiras de Basto. Esta segunda edição do ContraCena voltou também a ter um alcance internacional.
Além das peças oferecidas ao público cabeceirense por companhias portuguesas, o festival incluiu também uma produção espanhola, através da participação do Limiar Teatro da Galiza.

Foi no dia 7 de maio, que a plateia assistiu à encenação ‘Don Quijote’ uma comédia gastronómica que misturou narração oral, manipulação de objetos e cozinha em tempo real para dar lugar a uma “bem-sucedida” versão da obra de Cervantes que arrancou inúmeras gargalhadas ao público neste delicioso espetáculo ao ar livre. “Alonso, cozinheiro, começa a preparar uma demonstração culinária sobre os benefícios da dieta mediterrânica. O prato escolhido é ‘Potaxe de Vixilia’, o mesmo que ofereceram a Dom Quixote na sua primeira saída antes de armado como cavaleiro andante. Alonso converte-se em D. Quixote enquanto prepara esse saboroso prato. Um jogo teatral e gastronómico no qual o humor e a loucura de D. Quixote encarnam no corpo de Alonso, dando lugar a um espetáculo ágil, saboroso e nutritivo”, lê-se na sinopse.

Durante os dias 4, 5, 6 e 7 de maio foram, assim, acolhidas em Cabeceiras de Basto duas companhias portuguesas, uma espanhola e dois artistas de rua que, juntamente com o CTCMCB, integraram o programa do festival com quatro espetáculos teatrais e uma performance circense, proporcionando ao público um fim de semana cultural intenso.

A peça ‘O Cavalinho Azul’ produzida pelo CTCMCB – Centro de Teatro da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto que levou ao palco 40 crianças das Oficinas de Jogos Dramáticos, a encenação ‘(SO)REAL’ da Companhia TUTRA de Vila Real, ‘Amanhã? Talvez. Quem Sabe?’ da Companhia Loucomotiva de Coimbra, ‘Don Quijote’ do Limiar Teatro da Galiza e a performance circense ‘Burn the Gods’ protagonizada por Sérgio Oliveira e Rui Duarte na abertura dos espetáculos nos dias 5 e 6 de maio, integraram o programa deste segundo festival.

O II Festival de Teatro ContraCena organizado pela Câmara Municipal e produzido pelo CTCMCB – Centro de Teatro da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto procurou movimentar a dinâmica regional com um conjunto de apresentações que extrapola as fronteiras e que expande a cultura local, conectando-a com pensamentos artísticos contemporâneos de diferentes partes do país e do mundo.

Adicionar comentário

Null
Cabeceiras
Yahoo! Weather
  • Null
  • Null
  • Null
  • Null
Scroll