Bem-vindo/a a Cabeceiras de Basto

Conteúdo

Faia

Junta de Freguesia

António de Oliveira Magalhães
Presidente da Junta: António de Oliveira Magalhães (PS)
Secretário: Albino Manuel Oliveira Magalhães (PS)
Tesoureiro: Alfredo da Silva Magalhães (PS)

Assembleia de Freguesia
Presidente: Carla Susana Soares da Mota (PS)
1º Secretário: Luís António Machado Nogueira (PS)
2º Secretário: Ana Maria Teixeira de Magalhães Gonçalves (PS)
1º Vogal: Alfredo Magalhães Sousa (PS)
2º Vogal: Cristiana Sofia Teixeira Machado (PS)
3º Vogal: Manuel Joaquim Antunes Magalhães (PSD/PPD - CDS-PP)
4º Vogal: Maria de Fátima Batista Oliveira (PSD/PPD - CDS-PP)
 
Igreja de S. Tiago (Igreja Paroquial da Faia)
Igreja de S. Tiago (Igreja Paroquial da Faia)
Devota de S. Tiago, a pequena freguesia da Faia, com uma área de 5,17 Km2 e 558 habitantes (censos 2011), situa-se na orla meridional concelhia, na partilha com o concelho de Celorico, estendendo-se para Sul. Santa Senhorinha, Arco de Baúlhe e Vila Nune são as suas congéneres vizinhas.

Apesar de uma densidade populacional média, esta freguesia não dispõe de lugares de particular significado, distribuindo-se ao longo da EN 206 e nas proximidades do aglomerado de Arco de Baúlhe.

Considerada uma freguesia pobre em recursos, beneficia de boa acessibilidade às áreas com potencialidades de desenvolvimento económico, o que explica o seu crescimento populacional recente e o acentuar da tendência dispersiva do povoamento. Os sectores agrícola e vitivinícola, a tanoaria e o fabrico manual de calçado têm alguma tradição no capítulo do artesanato constituindo nichos da economia local. Destaque ainda, para a produção de cereja, abundante nesta zona do concelho.

Entre o património desta freguesia, destaca-se a casa senhorial da Tojeira e a da Ribeira Grande, a Igreja matriz e a capela da Senhora do Amparo.
Scroll